AJUDANDO VOCÊ A ENCONTRAR O CAMINHO.
 Principal
 Oráculos
 Numerologia
 Magias e Rituais
 Cursos
 Astrologia
 Ciganos
 Tarô
 Baralho Cigano
 Runas
 Jogo de Búzios
 Loja Virtual
 Horóscopo Cigano
 Horóscopo Egipcio
 Horóscopo Árvores
 Cromoterapia
 Aromaterapia
 Feng Shui
 Orixás
 Matérias
 Fale Conosco
 Trabalhe Conosco
  Tarô

Há várias hipóteses sobre a origem do tarô, mas muitas apenas são mitos.

O tarô não foi criado no Egito, China, Irlanda ou Inglaterra e sim desenvolvido de uma maneira simples na Itália, durante o século XV. Inicialmente era um simples jogo de carta, muito semelhante ao Bridge moderno.
Era baseado num baralho normal composto por quatro naipes contendo dez cartas numeradas e três cartas da corte (page, cavalheiro e rei).

O tarô acrescentou a carta da rainha em cada naipe e 22 cartas únicas não relativas a nenhum naipe.
O tarô não era ligado com divindades e jogar cartas de todos os tipos costumava ser uma forma de cartomancia. Os primeiros documentos ligados ao tarô como leitura da sorte ocorreram no século XVIII quando baralhos específicos para adivinhação foram desenvolvidos tais como Madame Lenormand e Grand Etteila.

À medida que os ocultistas começaram a examinar o tarô, eles reconheceram vários elementos de importância mística e espiritual para suas tradições e começaram a modificar a ilustração e a interpretação a fim de refletir suas próprias crenças.
Não há um sistema único que corresponda às catas de tarô.

Várias são as formas de interpretação, suas imagens são arquétipos e falam do inconsciente. São usadas atualmente como forma de meditação para o auto-conhecimento, uma maneira de desenvolver a intuição e também como sistema de adivinhação.
As cartas eram umas misturas de imagens coloridas originadas de formas humanas (o louco, o mago), de figuras poderosas do mundo medieval (o imperador, o papa), imagens de virtudes alegóricas (a justiça, a temperança) as grandes forcas da vida (roda da fortuna, a morte e o diabo) finalmente chegando às imagens cosmológicas como o sol, a lua e o julgamento.



TARÔ DE MARSELHA
O Tarô de Marselha é um dos mais conhecidos baralhos.
Trata-se de uma remontagem do célebre
Tarot Milanês de Visconti-Sforza devido Marselle (França) ter sido um grande reprodutor de tarôs nos séculos XVII e XVIII o tarô ficou com esse nome.

No princípio eram feitos por meio de moldes esculpidos em madeira (xilogravura) e pintados a mão.
Nicolas Conver foi um grande gravador de tarô em 1760. Posteriormente a empresa francesa Grimaud passou a reproduzi-los, divulgando-o em todo o mundo.
  

  


Para melhor visualização utilize um dos navegadores abaixo,
na resolução mínima 800x600 pxl.

Downloads: Internet Explorer ou   Firefox
Magia de Amor - Todos os direitos reservados  
© Copyright - ( 2017 ) - Proibida a Reprodução
Fone: (11) 2796-4135 
E-mail: contato@magiadeamor.com.br    
Desenvolvido por: www.comercialweb.com.br